História

O COLÉGIO JOSÉ AUGUSTO VIEIRA, autorizado em 07 de dezembro de 2006, pelo Conselho Estadual de Educação, através da Resolução nº 422/CEE, surge através da grande ideia da matriarca, a Senhora Josete Reis, que, ao exemplo de sua mãe, tem como características essenciais o amor e a busca incansável em ajudar ao próximo.

Tendo em vista as situações de aprendizagem verificadas na comunidade lagartense e objetivando criar condições para que os alunos egressos do Ensino Médio estejam preparados para ingressar no ensino superior, o CJAV, como é conhecido, busca, por meio da valorização dos profissionais, que aqui passam, estabelecer um grande sustentáculo para uma educação, acima de tudo, humanizadora.

Vale dizer que o colégio supracitado se propõe a exercer o ministério do ensino numa linha de excelência e comprometimento com a prática pedagógica que atinja satisfatoriamente o educando e o educador, tendo como missão oferecer uma educação de excelência à comunidade de Lagarto e região, proporcionando um ambiente favorável à aprendizagem significativa, com vistas à preparação de profissionais éticos e cognitivamente competentes. Com isso, pretende-se fazer do CJAV uma referência para Sergipe, como centro de formação de cidadãos íntegros.

Mais que um sonho, um projeto audacioso e inovador, essa instituição iniciou com 79 alunos matriculados, nascendo para oferecer a Lagarto e comunidades vizinhas um ensino pautado em qualidade, ética e competência, buscando desenvolver aptidões e valores que possibilitem o crescimento pessoal, em sintonia com o dinamismo das transformações sociais. Em 2011, possui um Comitê Gestor, formado por um diretor, uma coordenadora e uma secretária, 125 discentes e uma equipe de 16 docentes, profissionais especializados para garantir a preparação do saber intelectual e ético dos educandos.

Sua proposta pedagógica possui um diferencial na região, pois segue os princípios de uma educação que possui ideais cristãos no intuito de alcançar a libertação e a integração de todos como cidadãos, da democracia e cidadania, assumindo como diretrizes pedagógicas: comprometimento da ação educativa com a prática da liberdade, do diálogo e da co-responsabilidade; articulação teórica e prática, enfatizando a pesquisa (viagens, pesquisas de campo), a curiosidade e a criatividade no trato dos conteúdos (produção de paródias, peças teatrais, jornais etc); compreensão do que é ensinar e aprender; adoção de uma linha comum de ação propiciadora da unidade pedagógica em todas as áreas de conhecimento; desenvolvimento de metodologias que permitam a formação do senso crítico, da reflexão e do trabalho coletivo; compromisso com a formação continuada de seus professores e técnicos, através da colaboração para que estes possam participar de cursos promovidos em outras cidades do Brasil; respeito à identidade cultural do aluno; dentre outras.

Além disso, faz-se necessário afirmar que o CJAV, tendo em vista os fins da Educação Nacional e os objetivos do Ensino Médio, dispõe-se a: despertar e desenvolver a expressão criadora do educando e sua sociabilidade, traduzidos na formação de hábitos sadios e habilidades próprias; desenvolver o processo educativo, fundamentado no princípio de participação da família e da comunidade; proporcionar a formação do educando, variando em conteúdos e métodos, segundo as fases de seu desenvolvimento; promover o estudo da língua como instrumento de comunicação e como expressão da cultura brasileira; promover a formação moral e intelectual do educando; motivar a capacidade do discente para apreciar os valores estéticos e desenvolver as aptidões artísticas; dar condições ao educando para uma sadia recreação e um bom aproveitamento do tempo livre.

É válido enfatizar, ainda que a execução da referida proposta vem ganhando destaque a cada ano letivo, uma vez que é constante o número de mais de 90% de aprovações nos vestibulares nos Estados de Sergipe e Bahia.

Diante dessas informações, pode-se constatar que a FUNDAÇÃO JOSÉ AUGUSTO VIEIRA continua cumprindo o seu papel, no decorrer dos anos, fornecendo aos lagartenses um instrumento, por meio da aquisição dos conteúdos e da socialização, para uma participação organizada e ativa na democratização da sociedade.

Visão

Fazer do Colégio José Augusto Vieira uma referência para Sergipe, como centro de formação de cidadãos íntegros.

Missão

Oferecer ensino de excelência à comunidade de Lagarto e região, proporcionando um ambiente favorável à aprendizagem significativa, com vistas à preparação de profissionais éticos e cognitivamente competentes.

Objetivo Geral

Criar condições de aprendizagem para que os alunos egressos do Colégio José Augusto Vieira – CJAV estejam preparados para ingressar no ensino superior, cursando com total proveito a opção feita; desenvolvendo e adquirindo aptidões e valores que possibilitem o crescimento pessoal, em sintonia com o dinamismo das transformações sociais.

Objetivos do Colégio

  • Oferecer condições de ensino e educação compatíveis com o mundo em constantes transformações nos campos tecnológicos, político e social.
  • Oportunizar a formação de cidadãos autônomos e críticos, com capacidade de argumentação sólida e em defesa de seus princípios e ideais.
  • Proporcionar um ambiente de convivência harmônica entre os membros da comunidade educativa, na base do respeito mútuo em todos os níveis.
  • Oferecer oportunidades de aprimoramento contínuo aos profissionais de ensino, com vista à atualização em um mundo em rápidas e constantes transformações.